domingo, dezembro 29, 2013

A BAD em 2013… o SEGUNDO de 12 breves posts sobre a ação da BAD ao longo do ano de 2013 (uma associação atenta, interventiva e inclusiva)

Continuando a cumprir o desafio de traduzir em 12 posts (um dedicado a cada mês) o meu olhar retrospetivo sobre a ação da BAD ao longo de 2013.
Fevereiro foi um mês de grande atividade que revelou muito do que se procurou ser e fazer ao longo do ano de 2013 – uma associação atenta, interventiva e inclusiva. Atributos revelados com uma forte aposta na ação dos grupos de trabalho, visível já em 2012 mas claramente manifestada ao longo de 2013 com a ação de vários grupos de trabalho da BAD.



Em fevereiro o Grupo de Trabalho de Arquivos Audiovisuais da BAD esteve atento publicando o “Diagnóstico ao Estado do Património Audiovisual Nacional”, um estudo muito importante para definir o plano de ação para a necessária preservação e valorização do património audiovisual em Portugal.

Uma BAD inclusiva que se abriu à criação de um Grupo de Trabalho de Sistemas de Informação em Museus e que em fevereiro se deu a conhecer apresentando a sua atividade (ver http://www.bad.pt/noticia/2013/02/22/conheca-a-atividade-do-grupo-de-trabalho-de-sistemas-de-informacao-em-museus-da-bad), e que de forma muito ativa mostrou ao longo do ano no Notícia BAD muito do seu trabalho.

Intervenção foi o que o Conselho Diretivo Nacional procurou exercer ao ser recebida a 6 de fevereiro pelo Secretário de Estado da Cultura que mostrou grande recetividade aos temas que mais preocupavam a BAD e os seus associados (ver notícia em www.bad.pt/noticia/2013/02/15/secretario-de-estado-da-cultura-recebe-a-bad).

Mas a BAD só será mais interventiva, atenta e inclusiva, com a força necessária dos seus Associados, o que foi procurado precisamente em fevereiro com a apresentação da Campanha 2013 para novos associados BAD – Todos por + 1!.

Fonte da imagem: http://www.flickr.com/photos/efrenguerrero/5859928438