sexta-feira, junho 29, 2007

Blogs e as estratégias de comunicação nas bibliotecas

O rato de biblioteca só agora apresenta aqui algumas das questões abordadas no debate realizado na biblioteca do isca-ua sobre os blogs e as estratégias de comunicação nas bibliotecas. Mas vale a pena aqui recordar, em primeiro lugar, as dúvidas que foram sendo levantadas ao longo do debate: o blog é olhado com alguma desconfiança como meio institucional de comunicação, questionando o seu enquadramento enquanto veículo institucional da universidade; em que medida o blog substitui, pode substituir ou diminui a importância da página web da biblioteca; o problema da gestão de informação, das entradas, num blog colaborativo e aberto à colaboração da comunidade escolar (a velha questão dos riscos em dar abertura a comentários, etc.).
Depois, faz sentido deixar aqui expressas algumas das certezas sobre os blogs nas bibliotecas que ficaram bem vincadas no debate: que são canais adicionais de comunicação; que podem aproximar os utilizadores dos serviços da biblioteca; que ao funcionarem como geradores de redundância de meios de difusão, fazem chegar a um maior número de pessoas a informação; são ferramentas importantes na aproximação da biblioteca à comunidade académica; são meios para promover a produção científica, resultando muito bem, porque geram um efeito de divulgação em cadeia, para promover novas formas de olhar a tecnologia digital nos processos de acesso e difusão da informação científica, como por exemplo o open access.
Os blogs são olhados claramente como boas experiências para fazer face à preocupação, dos que lidam directamente com os processos de difusão de informação da biblioteca no seio das universidades, em tornar mais efectiva e eficaz a mensagem da biblioteca. São igualmente bons contributos para combater alguma frustração por perceber que nem sempre a mensagem da biblioteca chega aos utilizadores e consequentemente os recursos de informação disponibilizados não são devidamente rentabilizados.

3 comentários:

Gaspar Matos disse...

Óptimo motivo para convencer os decisores: "os blogs são GRÁTIS, pelo que a difusão sai a CUSTO ZERO!
Um abraço,

Gaspar

http://adrianepandora.blogspot.com

Sofia Barreiros disse...

Aproveito para deixar mais um blogue de uma Biblioteca

http://bibliotecamaisperto-maia.blogspot.com/

Obrigada

O SILÊNCIO CULPADO disse...

Acho que é uma boa causa e que esta matéria é muito útil.Espero que vá agregando competências e funcionalidades que fomentem a recolha de informação.